Follow by Email

sábado, 23 de janeiro de 2010

23/01/2010
Ressonância Magnética do Crânio:
Foram adquiridas imagems com as técnicas "spin-echo","fast spin-echo""agradiante-echo",FSEIR e também EPI, com sequências multiplanares ponderadas em T1, T2, T2*, FLAIR e difusão, antes e ápós o uso endovenoso do contraste paramagnético (gadolínio).
Relatório:
Alteraçoes focais do sinal na substancia branca dos hemisferios cerebrais,na ponte e no cerebro,com as caracteristicas descritas no corpo do laudo,salientando-se foco temporal esquerdo com realce anelar pelo contraste paramagnético,que podem corresponder a doença desmielinizante,em conformidade com a suspeita clínica.


Temos que levar em conta que este exame me pertence e que nao é saudavel ninguem comparar seu exame com o meu a fim de se auto diagnosticar nada melhor q a opniao de seu medico e a conclusao do mesmo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário